Agência epistêmica: abordagens melhorativa e coletiva

Thiago Rafael Santin (PUCRS)

Resumo


Este artigo trata de agência epistêmica numa abordagem da epistemologia melhorativa. Nele, faz-se uma reconstrução argumentativa de considerações de estudos empíricos, diagnosticando as capacidades cognitivas humanas atuais, e examina-se as possibilidades de melhorar suas falhas sistemáticas, ou vieses cognitivos. A partir disso, conclui-se ceticamente sobre a possibilidade de aprimoramento a partir dos próprios indivíduos e indica-se a possibilidade de restrições coletivas aos indivíduos, chamada de paternalismo epistêmico. Além disso, será apresentado brevemente a epistemologia social e o paternalismo epistêmico, para, por fim, indicar um ceticismo quanto à agência epistêmica individual, por um lado, e a possibilidade de agência epistêmica coletiva, por outro.

Palavras-chave


Epistemologia; Agência epistêmica; Epistemologia Social; Paternalismo epistêmico.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 1808-5253 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022-000. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122