Sobre a Revista

Chamada para a submissão de trabalhos para a composição do Dossiê temático sobre o Pensamento de Hannah Arendt.

A Revista de Filosofia Controvérsia (Qualis CAPES A4), fundada em 2005 pelo curso de Filosofia da UNISINOS (RS), tem por objetivo estimular a produção e divulgação de pesquisas de cunho filosófico feitas pela comunidade acadêmica. Com esse propósito, anunciamos a abertura da chamada para a submissão de trabalhos que contemplem o pensamento de Hannah Arendt.

As submissões para o dossiê, número 3/2023, devem ser feitas de 1 de abril até 10 de setembro de 2023.

Justificamos a proposta do presente dossiê em razão da importância conceitual e prática do pensamento de Hannah Arendt. Tal dimensão nos indaga a retomar suas principais discussões na obra “Entre o Passado e o Futuro” (1961), onde são feitas análises sobre a tradição moderna, o conceito de história, autoridade, liberdade, as crises da educação, as crises na cultura, sobre a verdade e a política e, por fim, a conquista do espaço. Mas, é a inquietação sobre “a lacuna entre o passado e o futuro” (LAFER, 1972) que realmente nos afeta, razão pela qual urge examinar as experiências humanas desenvolvidas pelo homem no espaço público. A justificativa mais particular desta chamada de submissão tem a ver com o percurso dos proponentes que se sentem concernidos pelos questionamentos promovidos pelo pensamento de Hannah Arendt, os quais são desenvolvidos na linha de pesquisa Incertae ligado ao Grupo CNPQ - Grupo de Pesquisa sobre Contemporaneidade, Subjetividade e novas epistemologias (G-Pense), ligado ao curso de Direito da Universidade de Pernambuco, Campus Arcoverde. Por fim, a justificativa mais geral desta chamada se explicita pela importância de apresentar para a comunidade acadêmica novas interpretações do pensamento de Hannah Arendt e a possibilidade de interações entre instituições de ensino superior, com os seus respectivos grupos de pesquisas.

Por fim, o objetivo geral desta chamada é compreender em que medida os conceitos presentes na obra “Entre o passado e o futuro” são ainda atuais, ou, pelo menos, suscitam novas reflexões e desafios teóricos e práticos.

A organização do Dossiê contará com as participações dos editores convidados Dra. Rita de Cássia Souza Tabosa Freitas, Professora Adjunta da Universidade de Pernambuco e Doutorando Antonio Justino de Arruda Neto, Professor do Curso de Direito da Faculdade Conceito Educacional - FACCON.

Para a submissão dos trabalhos, é necessário o cadastramento no sistema. Demais informações acerca das diretrizes para publicação encontram-se na seção “Submissões”: http://revistas.unisinos.br/index.php/controversia/about/submissions

E-mail para contato: revistacontroversia01@gmail.com

Os editores,
Inácio Helfer, Jaison M. Partchel, João V. Rosauro

 

 

Chamada de trabalhos (call for papers) - Revista Controvérsia

 

A Revista de Filosofia Controvérsia (Qualis CAPES A4), fundada em 2005 pelo curso de Filosofia da UNISINOS (RS), tem por objetivo estimular a produção e divulgação de pesquisas de cunho filosófico feitas pela comunidade acadêmica. A revista tem periodicidade quadrimestral (publicações anuais em abril, agosto e dezembro), fluxo contínuo e aceita contribuições originais, resenhas, entrevistas e traduções. Trabalhos em língua estrangeira são igualmente bem-vindos.

As submissões para o número 2/2023 devem ser feitas de 21 de março até 25 de maio de 2023.

Contribuições submetidas após essa data serão avaliadas para os próximos números da revista.

Para a submissão de proposta, é necessário o cadastramento no sistema. Demais informações acerca das diretrizes para publicação encontram-se na seção “Submissões”: http://revistas.unisinos.br/index.php/controversia/about/submissions

Interessados podem também cadastrar-se para o recebimento de notificações sobre nossas mais recentes publicações.

E-mail para contato: revistacontroversia01@gmail.com

 

Os editores,

Inácio Helfer, Jaison M. Partchel, Luciane L. Lindenmeyer

 

Foco e Escopo 

A revista Controvérsia, fundada em 2005 pelo Curso de Filosofia da Universidade do Vale do Rio dos Sinos - UNISINOS, visa a promoção do diálogo entre a comunidade acadêmica na área de Filosofia e em suas intersecções com as demais áreas do saber. 

Com periodicidade quadrimestral, é aberta ao recebimento de artigos originais, traduções autorizadas, resenhas e entrevistas em fluxo contínuo. Aceita propostas em português, inglês, espanhol, francês, alemão e italiano. Seu conceito atual QUALIS/CAPES periódicos é A4. Os artigos submetidos são avaliados por especialistas através do procedimento de pareceres cegos (double-blind review).

Processo de Avaliação pelos Pares

A publicação dos artigos está sujeita à aprovação prévia da Comissão Editorial da revista, após o que serão submetidos à avaliação do tipo peer review feita por, pelo menos, dois pareceristas externos.

A aceitação final dos artigos depende dos seguintes critérios:

    • Recomendação dos pareceristas;
    • Efetivação dos ajustes necessários pelo(s) autores(es);
    • E aprovação da Comissão Editorial, cuja resolução contemplará seis diferentes avaliações:
      1. Aceitar;
      2. Correções obrigatórias;
      3. Submeter novamente para avaliação;
      4. Enviar para outra revista;
      5. Rejeitar
      6. Ver comentários

Periodicidade

Quadrimestral

Política de Acesso Livre

Controvérsia oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

Histórico do periódico

A Revista Controvérsia foi fundada em 2005. É uma revista quadrimestral e editada unicamente em meio eletrônico, o que facilita o acesso gratuito e a difusão dos textos. Logo de início, foi indexada no The Philosopher's Index (Ohio University) a fim de dar maior visibilidade aos artigos nela publicados e na Clase Base de Dados (Citas latinoamericanas em Ciencias Sociales y Humanidades), editada pela Universidad Nacional Autónoma de México por meio da Dirección General de Bibliotecas, que há 30 anos analisa mais de 1500 títulos de revistas latinoamericanas. Pretendia inicialmente auxiliar na divulgação da produção de docentes e discentes dos programas de pós-graduação que compõem a comunidade acadêmica brasileira, porém também recebeu, ao longo dos anos, artigos de autores estrangeiros. A revista sempre acolheu contribuições vindas de diversas instituições, localizadas em diferentes regiões do país e obteve a colaboração de um corpo de pareceristas especialistas ad hoc. Tem uma seção destinada a artigos, uma a traduções e uma terceira a resenhas. Sua avaliação pela Capes é de nível A4. Durante seus anos de existência, contou com os seguintes editores: Dr. Alfredo Culleton, Dr. Mário Fleig e Dra. Sofia Stein.