O que são recursos educacionais abertos? Limites e possibilidades em discursos

Autores

  • Daniervelin Renata Marques Pereira Universidade Federal do Triângulo Mineiro
  • Joyce Vieira Fettermann Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro
  • Danilo Rodrigues César Universidade Federal do Triângulo Mineiro

Resumo

O objetivo deste texto é colocar em discussão a definição de Recursos Educacionais Abertos (REA), a partir de uma sequência de postagens no grupo Recursos Educacionais Abertos, do Facebook, do dia 06 ao dia 14 de dezembro de 2015. Por meio de ferramentas da Semiótica Tensiva, propomos uma análise discursiva dos quatro tópicos de perguntas e respostas que organizam as postagens. Em diálogo, apresentamos algumas visões sobre REA como contribuição na construção do conceito. Este artigo se inscreve, então, entre o discurso sobre a definição e a construção das definições encontradas na literatura consultada, sendo ainda uma tentativa de encontrar limites e possibilidades sobre os REA.

Palavras-chave: Recursos Educacionais Abertos, discurso, definição.

Biografia do Autor

Daniervelin Renata Marques Pereira, Universidade Federal do Triângulo Mineiro

É doutora em Letras pela Universidade de São Paulo (USP), com período-sanduíche (na Université Paris 8 (Paris-FR)). Mestre em Linguística Aplicada pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), graduada em Letras-Licenciatura Português/Francês pela Faculdade de Letras/UFMG. Atualmente, é professora adjunta da Universidade Federal do Triângulo Mineiro. Desde 2009, é membro do grupo Texto Livre: Semiótica e Tecnologia, vinculado à Faculdade de Letras/UFMG e financiado pelo CNPq. Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Linguística Aplicada, atuando principalmente nos seguintes campos: Semiótica Discursiva, Linguagem e Tecnologia, Educação a Distância, Cultura Livre, Educação do Campo, Leitura e Produção de textos, Letramento, Editoração de textos e Estilo dos gêneros digitais

Joyce Vieira Fettermann, Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro

Mestra em Cognição e Linguagem pela Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF), em Campos dos Goytacazes/RJ. Especialista em Língua Inglesa e graduada em Letras com habilitação para Inglês pelo Centro Universitário São José em Itaperuna/RJ. Possui qualificação para professores de inglês da Cambridge University - TKT (Teaching Knowledge Test). Atua como docente de Língua Inglesa na rede pública de ensino do Rio de Janeiro e no CNA Idiomas. Atuou também como professora no curso de Pós-graduação lato-sensu em Letras/Inglês Centro Universitário São José em Itaperuna/RJ, com as disciplinas: Compreensão e Produção Oral da Língua Inglesa e Novas Tecnologias Aplicadas ao Ensino de Línguas Estrangeiras. Atualmente, desenvolve pesquisas voltadas à integração do uso das Novas Tecnologias da Informação e Comunicação (NTICs) ao ensino da Língua Inglesa, com o aporte da Linguística Aplicada ao ensino de línguas; Formação de professores; e Recursos Educacionais Abertos para o ensino de línguas.

Danilo Rodrigues César, Universidade Federal do Triângulo Mineiro

Doutor em difusão do conhecimento e Mestre em educação, ambos pela Universidade Federal da Bahia com o tema robótica livre. Graduado em Tecnologia em Processamento de Dados (TPD), Licenciado em Matemática e Informática pelo CEFET-MG, Especialialista em Rede de Computadores, Pós-graduado em Educação Profissional Técnica Integrada ao Ensino Médio na Modalidade Educação de Jovens e Adultos (PROEJA), Foi Analista de Sistemas da Empresa de Informática e Informação do Município de Belo Horizonte (PRODABEL S.A.) - Minas Gerais. Um dos desenvolvedores GNU/LINUX Libertas para administração pública. Participou do projeto de informatização das escolas municipais do Município de Belo Horizonte. Participação no projeto KLogo-Turtle. Ministra aulas de Eletrônica Digital, Arquitetura e Organização de Computadores, Robótica e Automação Industrial, Educação e Tecnologias Contemporâneas, Microprocessadores e Sistemas Operacionais. Membro do Projeto Software Livre - MG (PSL-MG). Recebeu o prêmio Telemar de Inclusão Digital pelo projeto Robótica Livre. É coordenador do GT de Educação e Tecnologias da Rede Municipal de Ensino de Uberaba.

Downloads

Publicado

2016-12-06

Como Citar

Pereira, D. R. M., Fettermann, J. V., & César, D. R. (2016). O que são recursos educacionais abertos? Limites e possibilidades em discursos. Calidoscópio, 14(3), 458–465. Recuperado de http://revistas.unisinos.br/index.php/calidoscopio/article/view/cld.2016.143.09