Os conceitos de verdade, midiatização e acontecimento para análise de narrativas telejornalísticas

Rafael Magalhães Angrisano, Giani David Silva

Resumo


A estética televisiva ainda é a principal referência de reprodução da realidade social. Mesmo com o avanço das novas mídias e da web, a televisão permanece forte para grande parte da população. A TV é a mídia de referência do nosso cotidiano. Sabendo disso, torna-se necessário refletir a construção dos modelos de realidade veiculados todos os dias pelos media. No presente artigo, propomos uma reflexão de alguns conceitos que consideramos fundamentais, como Verdade, Midiatização e Acontecimento. A revisão foi feita com base nas obras de Verón, Deleuze, Queré e outros autores consagrados de diferentes campos do conhecimento como a Filosofia, a Sociologia e a Semiótica. Trata-se de conceitos de sofisticação teórica, em que percebemos mais diálogos do que discordâncias, três olhares que podem servir como operadores de análise para a reflexão das mais variadas narrativas televisuais de informação. Ao fim, propomos cinco chaves de leitura, com base nas reflexões feitas, a saber, a observação dos meios com que as narrativas almejam obter um caráter de verdade absoluta, os modos como o discurso tenta concordar com o real por meio de juízos expressos por identificações e qualificações dos seres, os aspectos indiciais das narrativas, a relação entre a dimensão verbal e a dimensão visual e a perda e o ganho de significado na formatação do acontecimento em relato.

Palavras-chave: verdade, acontecimento, midiatização.


Texto completo: PDF



ISSN: 2177-6202 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022 -000. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122

Projeto gráfico: Jully Rodrigues


 

SCImago Journal & Country Rank Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo