Sobre a Guerra do Iraque: da Indústria do medo à rebelião em rede

Christa Berger

Resumo


Estabelecer relações de sentido é o objetivo pretendido com este texto. Primeiro, encontrar os nexos entre os dois fatos que marcam a entrada no novo século – a ação contra as torres de Manhattan, no dia 11 de Setembro de 2001, e as manifestações contra a guerra no Iraque que ocorreram em todo o mundo a partir do dia 15 de fevereiro de 2003. Segundo, compreender os vínculos entre o discurso midiático produzido após o atentado às torres e a decisão do governo norte–americano de decidir–se pela guerra. Por último, identificar o papel desempenhado pelas novas modalidades de comunicação na mobilização mundial. Acontecimentos (11–S e 15–F) que fazem história, meios de comunicação (jornais, tevê e internet) que participam dos fatos históricos, é disto que trata este texto.





ISSN: 1806-6925 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022-000. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122

Projeto Gráfico: Jully Rodrigues

Crossref Member Badge
Crossref Similarity Check logo
Locations of visitors to this page