Jornalismo de multidão: a resistência da rede Indymedia

Diego Carvalho

Resumo


Este artigo faz parte da pesquisa de mestrado concluída em 2011, intitulada Jornalismo de multidão: a resistência da rede indymedia. Temos aqui como objetivo permitir a compreensão do que queremos chamar de jornalismo de multidão. Para isso, este texto faz um triplo movimento: descrição do indymedia, releitura de alguns conceitos de Antonio Negri e Michael Hardt e relações entre esses conceitos e o indymedia; estes movimentos são os elementos principais do jornalismo de multidão. Consideramos importantes essas relações, pois há falta de apropriação pelo campo da comunicação da obra de Negri e  Hardt, o que abre todo um horizonte de possíveis para produção de teoria menor no campo, teoria que tem como tema fluxos minoritários de resistência. 

Palavras-chave: jornalismo de multidão, Antonio Negri, Michael Hardt, indymedia.


Texto completo: PDF



ISSN: 1984-8226 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022-750. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122
Projeto gráfico: Jully Rodrigues


Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo