Sobre ciência e moral no sentido de Nietzsche: por uma política da verdade

Thiago Mota

Resumo


A tradição platônica compreendeu a relação entre ciência e moral como uma imbricação correspondente à relação entre Verdade em si e Bem em si. Num texto de juventude, Sobre verdade e mentira no sentido extramoral, Nietzsche faz uma crítica a essa tradição em dois movimentos: em primeiro lugar, nega a existência ligação necessária entre Verdade e Bem, à medida que concebe uma noção trágica de verdade, pensada para além de Bem e de Mal; em segundo lugar, radicaliza sua crítica através de uma genealogia da Verdade. A partir daí, tento propor uma política da verdade que não se encontra em Nietzsche, mas certamente se encaminha no mesmo sentido que ele.

Palavras-chave


verdade, platonismo, tragédia, genealogia

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 1808-5253 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022-000. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122