O Popper tardio e a solução de problemas

Edgard Charles Stuber (Unisinos)

Resumo


O objetivo deste artigo é apresentar alguns conceitos da epistemologia evolutiva de Karl Popper. O filósofo, que inicialmente teve uma abordagem inédita da ciência e de seus métodos, apresentou distinções entre teorias cientificas e teorias não cientificas. Numa fase tardia, Popper se aproxima da teoria da seleção natural de Charles Darwin e traça paralelos entre diversos processos cognitivos apresentados pelos organismos vivos. O ponto central de sua tese é que a espécie humana não se limita a uma atitude passiva de recepção de dados provenientes do mundo exterior. Ao contrário, o método utilizado para expansão do conhecimento é de aprendizado que se acumula com a tentativa e erro na resolução de problemas.


Palavras-chave


Epistemologia evolutiva; Solução de problemas; Conhecimento.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 1808-5253 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022-000. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122