Sobre a Revista

CHAMADA PARA N.2/2022 - "KIERKEGAARD, CONTEMPORÂNEO" 

A revista Controvérsia, a Sociedade Brasileira de Estudos de Kierkegaard – SOBRESKI e a XVII Jornada Internacional de Estudos de Kierkegaard convidam à submissão de artigos para a Edição Especial de 2022, intitulada: “Kierkegaard, contemporâneo”.

O ano de 2021 foi particularmente desafiador. Por um lado, a frustração e a angústia advindas da percepção de que a pandemia que vivenciamos desde o início de 2020 não apenas se arrastaria, mas continuaria a ser uma ameaça real e, por outro, o desejo profundo de continuarmos a fazer o que deve ser feito a despeito das limitações e dificuldades. Foi com essa Stemning que realizamos, entre os dias 23 e 26 de novembro de 2021, a nossa XVII Jornada Internacional de Estudos de Kierkegaard. Nessa edição, nosso mote foi explorar as duas dimensões da ideia “Kierkegaard, contemporâneo”: o que diz um pensador do século XIX, com seus contextos e suas circunstâncias, pode ainda nos ser relevante hoje, mas também podemos interpelá-lo a partir de nossos problemas, questões e expectativas atuais. A experiência de um congresso feito, pela primeira vez, integralmente online, trouxe diversos desafios e algumas boas surpresas. Se com esse formato fomos privados das conversas e dos encontros presenciais que são parte fundamental para as trocas em todo evento acadêmico, por outro aumentamos sensivelmente a visibilidade e a participação em nossa jornada. Com isso, nosso encontro também ganhou em qualidade de interações e debates.

Assim, convidamos interessados a submeteram trabalhos ao número especial da Revista Controvérsia – Unisinos, com textos provenientes das nossas sessões de apresentação de trabalhos, bem como textos dos demais interessados no pensamento de Kierkegaard. Nosso objetivo é tornar ainda mais acessível parte da produção da nossa comunidade, em toda a sua miríade de temas, ângulos e interesses, desejando com isso contribuir ainda mais para o avanço dos estudos de Kierkegaard entre nós.

O prazo para submissão é 31 de março de 2022, e a previsão de publicação é agosto de 2022 (n. 2). Os artigos submetidos devem cumprir as normas da Revista que constam no site: http://revistas.unisinos.br/index.php/controversia/about/submissions

Prof. Dr. Gabriel Ferreira (Unisinos)

Presidente da Sociedade Brasileira de Estudos de Kierkegaard (2020-2021)

 

Prof. Dr. Inácio Helfer

Editor Chefe da Revista Controvérsia

 

Clóvis Victor Gedrat

Natalia Mendes

Victor Manoel Fernandes

Comissão Organizadora – SOBRESKI 2021

 

Foco e Escopo 

A revista Controvérsia, fundada em 2005 pelo Curso de Filosofia da Universidade do Vale do Rio dos Sinos - UNISINOS, visa a promoção do diálogo entre a comunidade acadêmica na área de Filosofia e em suas intersecções com as demais áreas do saber. 

Com periodicidade quadrimestral, é aberta ao recebimento de artigos originais, traduções autorizadas, resenhas e entrevistas em fluxo contínuo. Aceita propostas em português, inglês, espanhol, francês, alemão e italiano. Seu conceito atual QUALIS/CAPES periódicos é B3. Os artigos submetidos são avaliados por especialistas através do procedimento de pareceres cegos (double-blind review).

Demais informações acerca das condições de submissão encontram-se na seção “Sobre a revista”. Para a submissão de proposta, é necessário o cadastramento no sistema. Interessados podem também cadastrar-se para o recebimento de notificação sobre nossas mais recentes publicações. Desejamos um bom uso para a comunidade acadêmica.

Processo de Avaliação pelos Pares

A publicação dos artigos está sujeita à aprovação prévia da Comissão Editorial da revista, após o que serão submetidos à avaliação do tipo peer review feita por, pelo menos, dois pareceristas externos.

A aceitação final dos artigos depende dos seguintes critérios:

    • Recomendação dos pareceristas;
    • Efetivação dos ajustes necessários pelo(s) autores(es);
    • E aprovação da Comissão Editorial, cuja resolução contemplará seis diferentes avaliações:
      1. Aceitar;
      2. Correções obrigatórias;
      3. Submeter novamente para avaliação;
      4. Enviar para outra revista;
      5. Rejeitar
      6. Ver comentários

Periodicidade

Quadrimestral

Política de Acesso Livre

Controvérsia oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

Histórico do periódico

A Revista Controvérsia foi fundada em 2005. É uma revista quadrimestral e editada unicamente em meio eletrônico, o que facilita o acesso gratuito e a difusão dos textos. Logo de início, foi indexada no The Philosopher's Index (Ohio University) a fim de dar maior visibilidade aos artigos nela publicados e na Clase Base de Dados (Citas latinoamericanas em Ciencias Sociales y Humanidades), editada pela Universidad Nacional Autónoma de México por meio da Dirección General de Bibliotecas, que há 30 anos analisa mais de 1500 títulos de revistas latinoamericanas. Pretendia inicialmente auxiliar na divulgação da produção de docentes e discentes dos programas de pós-graduação que compõem a comunidade acadêmica brasileira, porém também recebeu, ao longo dos anos, artigos de autores estrangeiros. A revista sempre acolheu contribuições vindas de diversas instituições, localizadas em diferentes regiões do país e obteve a colaboração de um corpo de pareceristas especialistas ad hoc. Tem uma seção destinada a artigos, uma a traduções e uma terceira a resenhas. Sua avaliação pela Capes é de nível B3. Durante seus anos de existência, contou com os seguintes editores: Dr. Alfredo Culleton, Dr. Mário Fleig, Dr.ª Sofia Stein, Dr. Inácio Helfer, e com editores adjuntos, alunos e integrantes do Programa de Pós-graduação em Filosofia da UNISINOS.