Vozes comuns: notas sobre a apropriação e a propriedade como problemas comunicacionais

Luís Felipe Silveira de Abreu

Resumo


Este ensaio busca refletir sobre a problemática comunicacional da apropriação de linguagem, a partir de fenômenos contemporâneos de cópia e reescrita. Em um primeiro momento, compreendemos essa apropriação por meio do estudo de caso da Escrita Não Criativa, suas obras e enunciados. Tomando as questões e contradições aí identificadas, partimos para uma discussão conceitual da ideia de propriedade privada, levados pela própria noção de “a-propriação”. Relacionamos, assim, a propriedade às discussões sobre linguagem e enunciação. Este cruzamento teórico acaba por demonstrar uma perspectiva potente para o pensamento da Comunicação, em que o circuito de troca linguístico é investigado em seu caráter produtivo e comum.


Palavras-chave


apropriação, propriedade, comum.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .