Plataformização

Thomas Poell, David Nieborg, José van Dijck

Resumo


Este artigo contextualiza, define e operacionaliza o conceito de plataformização. A partir de insights vindos de diferentes perspectivas acadêmicas sobre plataformas – estudos de software, economia política crítica, estudos de negócios e estudos culturais – desenvolvemos uma abordagem compreensiva em relação a esse processo. A plataformização é definida como a penetração de infraestruturas, processos econômicos e estruturas governamentais das plataformas digitais em diferentes setores econômicos e esferas da vida. Ela também envolve a reorganização de práticas e imaginários culturais em torno dessas plataformas. A partir do exemplo de app stores, mostramos como essa definição pode ser empregada em pesquisas empíricas.

Palavras-chave: Plataformas. Plataformização. Dataficação. Mercados multilaterais. Economia política. Governança.


Texto completo: PDF



ISSN: 1984-8226 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022-750. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122
Projeto gráfico: Jully Rodrigues


Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo