A jornada do anti-herói: uma análise da complexidade narrativa em Breaking Bad

Melina Meimaridis, Krystal Cortez Luz Urbano

Resumo


O artigo visa analisar a questão da complexidade narrativa no drama televisivo Breaking Bad por meio de um olhar exploratório em torno dos arcos narrativos, personagens apresentados em sua primeira temporada e na construção do anti-herói Walter White. Utilizando uma metodologia baseada em uma observação sistemática dos sete episódios da primeira temporada, argumentamos que, embora a produção se utilize de diversos elementos pertencentes à categoria das narrativas complexas, entendemos que a estrutura da série é organizada em torno da tradição da serialização narrativa, em que se alterna elementos de variação e repetição por intermédio de seus personagens e no entrelaçamento de três principais arcos narrativos: câncer, crime e família.

Palavras-chave: séries televisivas, complexidade narrativa, estrutura da simpatia, anti-herói.


Texto completo: PDF



ISSN: 1984-8226 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022-750. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122
Projeto gráfico: Jully Rodrigues


Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo