Processos de referenciação – ações cognitivas e sociodiscursivas em interação

Maria Angela Paulino Teixeira Lopes

Resumo


Em uma perspectiva sócio-discursiva, fundamentada em uma concepção de linguagem como atividade interativa, este artigo apresenta uma análise dos processos de constituição da referenciação em práticas de linguagem socialmente situadas: os gêneros textuais. Tendo em vista o caráter processual desta investigação, o procedimento metodológico – leitura de três textos da mídia impressa, um questionário escrito para cada texto, um registro em áudio das sessões de discussão sobre os textos lidos (‘protocolo verbal’) – permitiu, pela triangulação das informações, alcançar a abrangência necessária ao estudo proposto: a referenciação é construída de forma dinâmica, em contextos sócio-interativos, envolvendo estratégias inferenciais do sujeito-leitor a partir de operações concretizadas nos gêneros textuais.

Palavras-chave: interacionismo sócio-discursivo, ação de linguagem, referenciação, contextualização, gênero textual.

Texto completo: PDF



SCImago Journal & Country Rank

ISSN 2177-6202