Gênero Digital Infográfico: uma proposta de estudo para a Educação Básica sob a óptica da Análise Dialógica do Discurso e da Pedagogia Histórico-crítica.

Márcia Adriana Dias kraemer, Terezinha da Conceição Costa-Hübes, Pamela Tais Clein Capelin

Resumo


Este artigo apresenta um Plano de Trabalho Docente que privilegia os gêneros digitais, com ênfase no infográfico, desenvolvido a partir de estudos realizados no período de 2019. Para tal investigação, analisa-se o que preconiza a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e o Referencial Curricular do Paraná (RCPR), a fim de compreender em que medida é possível produzir um material didático profícuo e pertinente, direcionado aos anos finais do Ensino Fundamental II. Para tanto, ancora-se na Análise Dialógica do Discurso (ADD) e na Pedagogia Histórico-Crítica (PHC). Justifica-se a pesquisa, uma vez que é preciso refletir sobre estratégias que possibilitam aprimorar o cabedal teórico e prático nos processos de letramentos exigidos aos estudantes da Rede Básica de Ensino. A pesquisa caracteriza-se como teórica, com abordagem qualitativo-interpretativa e fins explicativos. Como resultado, constroem-se possibilidades para desenvolver ações de letramento digital na esfera escolar.

Palavras-chave: Base Nacional Comum Curricular; Proposta Didático-pedagógica; Letramento Digital.


Texto completo:

PDF




SCImago Journal & Country Rank

ISSN 2177-6202