No lugar: o desenho de Siza para Porto Alegre

Cláudia Costa Cabral

Resumo


A ideia de indissociabilidade entre obra e lugar, expressa em certas manifestações artísticas, pode ser assinalada como conceito comum aos territórios sempre próximos da arte e da arquitetura. Entretanto, não se trata de um conceito compartilhado pela arte e arquitetura em geral, mas sim por determinadas propostas artísticas e determinadas propostas arquitetônicas em particular, que fazem dessa noção parte importante de sua pesquisa plástica e de suas ações sobre o mundo. O artigo procura colocar essa questão junto à obra de Álvaro Siza em Porto Alegre, o Museu Iberê Camargo, reivindicando o reconhecimento do lugar na obra de Siza como pautado essencialmente não pelos critérios de um discurso culturalista, mas nos termos de uma ação poética sobre o espaço.

Palavras-chave: Álvaro Siza, lugar, arte sitespecific.

Texto completo: PDF



ISSN: 1808-5741 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional [atualizado em abril/2016]

Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP 93022-750, São Leopoldo, RS. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122 R: 3219

Os croquis utilizados no banner (da esquerda para a direta): Pavilhão do Brasil na Expo 70 (Osaka, Japão) e Museu Brasileiro da Escultura (MuBE) do arquiteto Paulo Mendes da Rocha©.

Projeto gráfico: Jully Rodrigues



SCImago Journal & Country Rank Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo