Apontamentos sobre a comunicação em rede de ONGs ambientalistas locais (Pantanal/Mato Grosso do Sul)

Katarini Giroldo Miguel, Camila Vilar Oliveira

Resumo


O presente estudo tem como proposta colocar em evidência as possibilidades de midiatização de duas das principais organizações não governamentais (ONGs) ambientalistas do Estado de Mato Grosso do Sul, a Ecoa e a SOS Pantanal, a partir de uma análise sistemática da página das organizações na rede social Facebook durante todo o ano de 2015, que originou dados quantitativos que foram interpretados, à luz de discussões teóricas e de forma exploratória, na tentativa de debater se a prática comunicativa pode contribuir para o entendimento das problemáticas ambientais regionalizadas. Este artigo integra o projeto de pesquisa ‘Pensar a cibercultura ambientalista: comunicação e discurso do movimento ambiental’, desenvolvido no curso de Comunicação Social - Jornalismo da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS).

Palavras-chave: comunicação ambiental, organizações não ambientais (ONGs), Facebook, meio ambiente, Mato Grosso do Sul (MS).


Texto completo: PDF



ISSN: 1806-6925 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022-000. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122

Projeto Gráfico: Jully Rodrigues

Locations of visitors to this page