Agências de fotografia e a fotografia documental no RS: um estudo de caso sobre o foto-livro "Santa Soja" (1979)

Charles Monteiro, Carolina Martins Etcheverry

Resumo


Este artigo tem por objetivo problematizar as fotografias do fotolivro Santa Soja, organizado por Jacqueline Joner e Luiz Abreu, publicado em 1979, com fotografias de Luiz Abreu, Eneida Serrano, Jacqueline Joner e Genaro Joner. Tais fotografias enfocam as mudanças que a introdução da soja, nova cultura agrícola comercial voltada para a exportação, estava causando no campo. A pequena agricultura familiar é posta à prova com a modificação na forma de plantio e de comercialização, ocasionando também mudanças nas relações de trabalho e na vida cotidiana. O livro é fruto de trabalhos anteriores realizados entre os anos de 1976 e 1979, quando os fotógrafos faziam pautas para a Cooperativa de Jornalistas de Porto Alegre (1973-83), que editava a revista Agricultura & Cooperativismo. Os fotógrafos percorreram a região durante cerca de três anos fotografando as famílias, as casas e o trabalho nas lavouras. Em 1979, Jaqueline Joner, Eneida Serrano, Genaro Joner e Luiz Abreu criaram a Agência Ponto de Vista, que editou naquele ano dois livros a partir das imagens presentes em seus arquivos fotográficos: Santa Soja (1979) e Ponto de Vista (1979).


Texto completo: PDF



ISSN: 2236-1782 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022 -000. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122
Projeto gráfico: Jully Rodrigues




SCImago Journal & Country Rank Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo