Sob o signo das Luzes: o pensamento jesuítico e a Ilustração nas cartas do Padre David Fáy

Beatriz Helena Domingues, Breno Machado dos Santos

Resumo


Este artigo discute como as correspondências do padre David Fáy, escritas aos seus familiares húngaros da Vice-Província jesuítica do Maranhão e Grão-Pará durante o ano de 1753, dialogam com o pensamento ilustrado em voga na Europa em meados do século XVIII. Além disso, analisa a imagem do Brasil retratada pelo inaciano, em um momento em que a filosofia da Luzes inverte a visão paradisíaca da América, constituindo um novo discurso sobre o homem e a natureza, marcado pela negatividade. Diagnosticar em tais missivas a ocorrência de uma assimilação de algumas ideias caras à Ilustração – ainda que seletiva e católica –nos permite amenizar os ataques realizados por uma abordagem tradicional que atribui à Companhia de Jesus uma visão retrógrada e resistente a mudanças, associada à tradição medieval católica e barroca.

Palavras-chave: pensamento jesuítico, Ilustração europeia, Amazônia portuguesa.

Texto completo: PDF



ISSN: 2236-1782 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022 -000. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122
Projeto gráfico: Jully Rodrigues




SCImago Journal & Country Rank Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo