A elite do Partido Republicano se apropria da “Revolução”

Luiz Alberto Grijó

Resumo


Este trabalho analisa a apropriação operada pela elite do Partido Republicano Rio-Grandense (PRR) das ideias e ideais que supostamente nortearam a ação dos líderes do movimento farroupilha. Busca avaliar a importância da identificação entre a revolta iniciada em 1835 e o movimento republicano da década de 1880 para os líderes do PRR, principalmente como forma de impugnar a legitimidade dos seus adversários políticos de então, os seguidores de Gaspar Silveira Martins, em se apresentarem como “herdeiros dos farrapos”.

Palavras-chave: história do Rio Grande do Sul, ideias políticas no Rio Grande do Sul, partidos políticos no Rio Grande do Sul.

Texto completo: PDF



ISSN: 2236-1782 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022 -000. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122
Projeto gráfico: Jully Rodrigues




SCImago Journal & Country Rank Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo