Disposições sobre anônimos: o sujeito ordinário na história, na sociologia e na mídia

Ercio do Carmo Sena, Juliana Magalhães e Ribeiro Gusman

Resumo


O artigo pretende refletir sobre a presença de sujeitos anônimos e sobre suas realidades cotidianamente negligenciadas em narrativas midiáticas distintas. Para isso, estabelece relações com estudos sobre a abordagem dos anônimos na história e nas ciências sociais brasileiras. Esses movimentos buscam capturar ações que miram a visibilidade desses sujeitos, pertencentes às classes populares, em vestígios configurados, ou não, por eles. A partir daí, o artigo discorre sobre os desafios que caracterizam a emergência de outros sujeitos, não hegemônicos, na cultura da mídia contemporânea.

Palavras-chave: anônimos, cultura e mídias.


Texto completo: PDF



ISSN: 1984-8226 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022-750. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122
Projeto gráfico: Jully Rodrigues