O MITO DE ULISSES EM MENSAGEM, DE FERNANDO PESSOA

Zilda Oliveira Freitas

Resumo


Procurarei refletir sobre as reminiscências do mito de Ulisses no processo de individuação do sujeito modernista. Para isso, apresentarei um estudo comparativo entre o Ulisses homérico e a figura mítica que nos é apresentada por Fernando Pessoa em Mensagem. Para além de ser um livro que reconstrói de forma mítica e poética a história de Portugal, Mensagem é um texto emblemático que nos permite refletir acerca da concepção pessoana sobre a sociedade portuguesa, desde a formação do povo lusitano até a era modernista. Importa-nos questionar: qual é a Mensagem de Fernando Pessoa ao povo português? Ao propor algumas possíveis respostas, enfatizarei o que explicitaram os investigadores Mircea Eliade, Claude Lévi-Strauss e Joseph Campbell. Ressaltarei que o conteúdo mítico da Odisseia – sob a ótica pessoana – traduzir-se-á por uma proto-história da subjetividade humana e como prefiguração da trajetória do indivíduo, num constante fluxo simbólico e literário, da Odisseia à Mensagem.


Palavras-chave


Mito; Ulisses; Fernando Pessoa; Modernismo

Texto completo: PDF



ISSN: 1806-9509 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022 -750. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122