Culturas Juvenis e a Etnocenologia Virtual da Aprendizagem em Ambiências Híbridas e Multimodais de Interação

Vinicius Silva Santos, Henrique Nou Schneider

Resumo


O presente trabalho tem como objetivo refletir sobre o conceito de aprendizagem à luz dos processos culturais que fazem emergir novos estilos de aprendizagens, situados no âmbito das culturas juvenis, com destaque para o uso, apropriação, criação e disseminação de conteúdos com auxílio das Tecnologias Digitais da Informação da Comunicação – TDIC. Destaca de forma exploratória o conceito de etnocenologia virtual da aprendizagem, tomada aqui como elemento explicativo para compreender as relações de interação, colaboração e criatividade dos jovens em espaços de imersão híbridos e multimodais. A metodologia utilizada nesse trabalho é qualitativa, a partir de uma revisão bibliográfica em torno de conceitos e construções heurísticas que subsidiam pesquisas e estudos desenvolvidos no Grupo de Pesquisa em Informática na Educação - GEPIED (UFS/CNPq), nos últimos dez anos. Portanto, o fenômeno da aprendizagem se alarga pela multiplicação de espaços, formas e relações, mais que nunca, intercambiadas pela presença da virtualidade, da interconexão e interatividade, redesenhando cartografias cognitivas que apontam novas modelagens, cenários e formas de entender/vivenciar a experiência educativa.

Palavras-chave: aprendizagens, juventudes, TDIC.

 


Texto completo: PDF



ISSN 2177-6210 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional [atualizado em abril/2016]

Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP 93022-750, São Leopoldo, RS. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122 R: 3219
Projeto gráfico: Jully Rodrigues




Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo