A educacionalização do social e as implicações na escola contemporânea

Kamila Lockmann

Resumo


O texto discute a articulação entre educação e assistência social, percebendo suas implicações na escola contemporânea. A partir de lentes foucaultianas, analisa-se um conjunto de documentos que legislam sobre as Políticas de Assistência Social, assim como entrevistas semiestruturadas realizadas com diretores de escolas públicas. Argumenta-se que vivemos, no Brasil contemporâneo, um fenômeno denominado educacionalização do social, o qual aponta a Educação como instância de solução para uma variedade de problemas sociais. Tal fenômeno produz (re)configurações na escola: (i) o papel expansionista da escola contemporânea, ou seja a ampliação de suas funções; e (ii) a redefinição contemporânea dos conhecimentos escolares, onde os conhecimentos escolares sofrem modificações importantes, passando a incorporar questões relativas à forma como os sujeitos são conduzidos e como devem conduzir a si mesmos. Assim, a aprendizagem torna-se fundamental para a efetivação do governo de si mesmo.

Palavras-chave: assistência social, educação, escola pública.


Texto completo: PDF



ISSN 2177-6210 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional [atualizado em abril/2016]

Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP 93022-750, São Leopoldo, RS. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122 R: 3219
Projeto gráfico: Jully Rodrigues




Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo