O presidente Castro Pinto e a Universidade Popular: ideais da educação na Parahyba do Norte publicados no jornal A União (1912-1915)

Charliton José dos Santos Machado, Maria Lúcia da Silva Nunes, Larissa Meira de Vasconcelos

Resumo


Este artigo analisa o conteúdo de duas conferências, publicadas em 1913 no jornal A União, órgão da imprensa oficial do Estado, inseridas no ideário do movimento “Universidade Popular”, criado pelo Presidente da Parahyba do Norte, João Pereira de Castro Pinto, entre os anos de 1912-1915. Toma-se a imprensa como fonte para a história da educação, vislumbrando seu vínculo com a sociedade e a possibilidade de apreender o lugar destinado à educação naquele contexto. A análise dos textos permite afirmar que a discussão em torno da implantação de uma Universidade Popular na Parahyba do Norte – embora esta não tenha de fato se concretizado – pôs em pauta assuntos fundamentais, como ensino primário, direitos da mulher, instrução pública, entre outros, para se pensar uma renovação educacional. Dessa forma, a Parahyba do Norte buscava demarcar seu espaço no campo desse debate no país.

Palavras-chave: Universidade Popular, Parahyba do Norte, imprensa.


Texto completo: PDF



ISSN 2177-6210 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional [atualizado em abril/2016]

Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP 93022-750, São Leopoldo, RS. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122 R: 3219
Projeto gráfico: Jully Rodrigues




Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo