Educação Popular: uma história, um que-fazer

Valéria Oliveira de Vasconcelos, Maria Waldenez de Oliveira

Resumo


O presente artigo tem como objetivo apresentar o histórico da Educação Popular na América Latina (décadas de 60 à 90 do século XX), por meio de seus principais marcos, e de seu processo de conformação no panorama brasileiro. Visa também apresentar um que-fazer dessa Educação, permeado pelo diálogo e pela construção conjunta de saberes. Abordam-se alguns pontos relevantes na construção de conhecimentos e nas práticas de Educação Popular, buscando colaborar para sua precisão conceitual e delineamento metodológico. Para tanto, são discutidos temas como: a transformação social, a autonomia e o compartilhamento de saberes, a formação de educadores, desde os processos metodológicos e a tematização dos problemas, o papel do educador, assim como as estratégias de ação, reflexão e avaliação. Pretendemos, com este estudo, contribuir para o aprofundamento de estudos na área de educação em geral, atentando principalmente para a urgência de iniciativas, escolares ou não, que visem a fortalecer os mais diferentes processos de humanização.

Palavras-chave: Educação Popular, diálogo, autonomia, transformação social.

Texto completo: PDF



ISSN 2177-6210 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional [atualizado em abril/2016]

Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP 93022-750, São Leopoldo, RS. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122 R: 3219
Projeto gráfico: Jully Rodrigues




Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo