A natureza das ideias segundo Nicolas Malebranche

Pedro Falcão Pricladnitzky (UFRGS)

Resumo


O artigo pretende analisar a dificuldade interpretativa encontrada nos textos de Nicolas Malebranche acerca da natureza das ideias. A partir da conjunção de teses afirmadas pelo autor ao longo do desenvolvimento da sua teoria da cognição, a visão em Deus, as ideias não parecem pertencer à nenhuma categoria ontológica reconhecida por Malebranche. Em um primeiro momento, será apresentado de que maneira a teoria das ideias conduzem à afirmação de uma, ao menos, aparente contradição entre a epistemologia e a ontologia sustentada por Malebranche. E, em um segundo momento, de que maneira podemos apresentar alternativas interpretativas que não coloquem em questão a validade da teoria que é proposta pelo autor.

Palavras-chave


Malebranche; Teoria das Ideias; Ontologia.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 1808-5253 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022-000. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122