Percepções de Participantes de um Grupo de Apoio à Adoção Acerca desta Experiência

Fabiana Müller Schmitt, Dorian Mônica Arpini, Camila Almeida Kostulski

Resumo


Este estudo buscou conhecer a percepção dos participantes de um grupo de apoio à adoção (GAA) acerca desta experiência. A pesquisa teve caráter qualitativo e realizou-se através de entrevistas semidirigidas, as quais foram analisadas a partir da análise de conteúdo. Participaram do estudo oito integrantes de um grupo de apoio à adoção de uma cidade da região central do Rio Grande do Sul. Os resultados demonstram que os pretendentes à adoção e pais adotivos buscam o grupo devido à necessidade de aprofundarem conhecimentos acerca da parentalidade adotiva, bem como para aliviarem a ansiedade despertada pelo processo. Além disso, os participantes evidenciaram que o grupo no qual o estudo foi realizado tem atuação na garantia dos direitos de crianças e adolescentes institucionalizados, mencionando a realização de diversos projetos e a busca pelo direito à convivência familiar. Assim, destaca-se que o grupo trabalha tanto em prol da parentalidade adotiva, quanto da construção de uma nova cultura da adoção. Por fim, as considerações finais apontam a importância de produzir novos conhecimentos na temática, uma vez que estes podem auxiliar no trabalho de preparação de pretendentes, pais, como também de todos os envolvidos no processo de adoção.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.4013/ctc.2020.131.08



ISSN: 1983-3482 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional [Atualizado em 26/09/2016].

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022-000. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122
Projeto gráfico: Jully Rodrigues
 
 
 
 
 
   
Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo