Problemas emocionais e de comportamento, vulnerabilidade cognitiva e estresse: uma revisão narrativa

Isabella Soares Barreto, Maycoln Leôni Martins Teodoro

Resumo


Cognições disfuncionais e eventos estressores desempenham um papel importante no desenvolvimento da sintomatologia depressiva em adultos, porém, pesquisas sobre tal relação na infância e na adolescência e sua aplicação a diferentes sintomas ainda não são totalmente conclusivas. Diante disso, com o intuito de analisar tais evidências, realizou-se uma revisão de literatura acerca da díade vulnerabilidade-estresse como fator de risco para o desenvolvimento de problemas emocionais e de comportamento. A revisão foi conduzida no mês de maio de 2016 nas seguintes bases de artigos: Pubmed, PsycINFO e ScienceDirect. Utilizaram-se como critério de inclusão: disponibilidade dos resumos nas bases de dados, amostra composta por crianças ou adolescentes e o fato de ter como objetivo principal investigar a relação entre crenças cognitivas, eventos estressores e problemas emocionais e de comportamento. Foram encontrados 34 artigos que abordaram o tema e indicaram evidências positivas do modelo de diátese- estresse, especialmente para sintomas internalizantes. São necessários mais estudos sobre o assunto que englobem sintomas externalizantes, que adotem uma perspectiva do desenvolvimento e que investiguem possíveis fatores de proteção.

Palavra-chave: diátese-estresse, problemas emocionais e de comportamento, crianças.


Texto completo: PDF



ISSN: 1983-3482 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional [Atualizado em 26/09/2016].

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022-000. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122
Projeto gráfico: Jully Rodrigues