Um toco e um divã: reflexões sobre a espiritualidade na clínica etnopsicológica

Fabio Scorsolini-Comin

Resumo


O objetivo deste relato de experiência é refletir sobre a inserção prática do profissional de Psicologia em um terreiro de umbanda e compreender as especificidades do trabalho etnopsicológico clínico neste contexto. A partir da abordagem centrada na pessoa e da etnopsicologia, são trazidos relatos de atendimentos psicoterápicos desenvolvidos com três médiuns em uma comunidade umbandista. A discussão foi organizada em três eixos: (i) a construção do contexto de ajuda psicológica no terreiro: narrativa de uma experiência em acontecimento; (ii) reconhecimento da espiritualidade do profissional; (iii) reconhecimento da espiritualidade do cliente. Nos atendimentos realizados, a espiritualidade é valorizada e ouvida, possibilitando acessar o cliente e acolher seu universo de crenças e modos de ser, o que se alinha à sua história de vida como médium. Ampliar o escopo das intervenções e permitir que a dimensão da espiritualidade seja trabalhada na psicoterapia deve ser evocado na formação profissional, considerando-a um componente essencial da personalidade e incluindo-a, também, como recurso de saúde.

Palavras-chave: espiritualidade, psicoterapia, umbanda.


Texto completo: PDF



ISSN: 1983-3482 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional [Atualizado em 26/09/2016].

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022-000. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122
Projeto gráfico: Jully Rodrigues


Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo