Sobre o modelo decolonial: a importância do outro e a urgência de seu olhar

João Alberto Mendonça Silva, Josemar de Campos Maciel, Dolores Pereira Ribeiro Coutinho

Resumo


Este artigo é uma exposição sobre a mudança de modelos de pensamento pretendida por pensadores decoloniais, questionando e colocando em xeque o sistema massificador que as sociedades latino-americanas viveram desde o processo Colonial. O texto integra pesquisa finalizada sobre modelos de desenvolvimento baseados na promoção de comunidades e no protagonismo das mesmas, diminuindo as interferências exógenas e promotoras do simples lucro especulativo. Por meio do chamado “Giro Decolonial”, buscou-se identificar de que forma a influência da Metrópole suplantou e substituiu modos de ser, pensar e fazer das populações tradicionais e daquelas que foram trazidas à força, sacralizando o padrão europeu de desenvolvimento via Capital e acúmulo de bens, tornando-os meios exclusivos do desenvolvimento. Assim, aponta-se para a proposição de que a existência da figura do Outro é fundamental na percepção do Eu, tornando mútua a dependência ontológica desses entes para a formação do ser social. Por fim, o conceito de interculturalidade traz para a reflexão latino-americana a necessidade de realizar o desenvolvimento via diferença, dando voz aos calados, tornando-os visíveis e protagonistas de sua caminhada rumo ao Bem Viver.

Palavras-chave: decolonização, alteridade, interculturalidade.


Texto completo: PDF



ISSN: 2177-6229 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional. [atualizado em 25/05/2016]

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022 -750. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122 - Banner artwork by Z Shinoda.
Projeto gráfico: Jully Rodrigues


Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo