Intérpretes e notáveis da literatura e da cultura popular do Maranhão

Igor Gastal Grill, Eliana Tavares dos Reis

Resumo


Propomos neste artigo refletir sobre o trabalho de construção de “panteões” e as práticas de eternização de “vultos” examinando duas publicações que se configuram em “galerias de notáveis”. Analisamos Perfis Acadêmicos e Perfis de Cultura Popular, ponderando sobre: (i) a posição social e política dos agentes (biógrafos e biografados), definida em função dos recursos sobre os quais assentam sua “reputação” e de inscrições nas lutas culturais e políticas; (ii) as estratégias de estruturação das obras, observando a seleção e a hierarquização dos casos, o espaço disponibilizado, as classificações atribuídas, entre outras; (iii) e os conteúdos, as adjetivações, as definições, enfim, as representações explicitadas nos pré-textos e textos laudatórios. Com isso, podemos apreender os condicionantes de afirmação, as lógicas de atuação e os mecanismos de consagração mobilizados por agentes que se constituem como porta-vozes autorizados, bem como as múltiplas tramas de notabilização de “intérpretes” da cultura e da memória regional no e do Maranhão.

Palavras-chave: cultura, intérpretes, panteão.


Texto completo: PDF



ISSN: 2177-6229 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional. [atualizado em 25/05/2016]

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022 -750. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122 - Banner artwork by Z Shinoda.
Projeto gráfico: Jully Rodrigues