Sentido das mudanças: economia criativa e implicações sociais em Porto Alegre

Sandro Ruduit Garcia

Resumo


A economia criativa tem sido objeto de uma recente e profícua produção acadêmica dedistintas especialidades em diferentes países, registrando mudanças sociais, políticas eculturais nela implicadas. Neste artigo, aborda-se o sentido de tais mudanças, reconhecidasna experiência internacional, em nosso contexto, inquirindo centralmente sobre: que tipo de implicações sociais decorre da expansão de atividades em empresas ligadasa setores da economia criativa? Ao partir do reconhecimento de que a ação econômica acha-se imersa em um conjunto de mecanismos de mediação social, analisam-se dados obtidos em uma amostra intencional de quatorze empreendimentos de pequeno porte pertencentes a essa economia na cidade de Porto Alegre, complementando-se com fontes documentais. O estudo sugere que esse tipo de empresa tende, nos limites das condiçõessociais e institucionais em que se acham, a orientar-se pela busca da novidade, pela complementaridade de conhecimentos, pela autonomia profissional e por responsabilidadescom o entorno.

Palavras-chave: economia criativa, cidade de Porto Alegre, sociologia dos mercados.


Texto completo: PDF



ISSN: 2177-6229 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional. [atualizado em 25/05/2016]

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022 -750. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122 - Banner artwork by Z Shinoda.
Projeto gráfico: Jully Rodrigues