Tempos modernos?

Rita Brandão, Mário José Filho

Resumo


Este trabalho visa discutir questões relacionadas ao Serviço Social a partir da análise das transformações do mundo do trabalho na contemporaneidade. Atualmente vivemos um novo ciclo econômico e o surgimento de uma nova questão social resultante de um novo modo de produção que tem produzido no mundo contemporâneo diferentes formas no padrão de acumulação. Com todas estas transformações ocorreu a redução do papel do Estado, o que provocou a instalação e o crescimento da instabilidade e fragilidade na vida do trabalhador brasileiro. Paradoxalmente, em lugar de garantia na agenda governamental de mecanismos de implementação de política de pleno emprego e políticas sociais universais, ocorreu a supremacia de políticas residuais, casuais, seletivas ou focalizadas na pobreza extrema, como forma de amenizar os impactos resultantes da política neoliberal. Na realidade com o advento de tantas mudanças ocorridas nas relações de trabalho no mundo, o assistente social vem se deparando com novas estratégias de intervenção que exigem mais qualificações do profissional e maior intimidade com as novas formas de gerenciamento, não restringindo sua prática somente aos escassos benefícios assistenciais. Exige uma indissolúvel articulação entre profissão, conhecimento e realidade, o que atribui especial destaque às atividades investigativas como dimensão constitutiva da ação profissional.

Palavras-chave: serviço social, neoliberalismo, política social.

Texto completo: PDF



ISSN: 2177-6229 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional. [atualizado em 25/05/2016]

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022 -750. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122 - Banner artwork by Z Shinoda.
Projeto gráfico: Jully Rodrigues


Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo