Rupturas e continuidades na Linguística Aplicada Crítica: uma abordagem historiográfica

Marco Túlio de Urzêda Freitas, Rosane Rocha Pessoa

Resumo


Neste texto, valemo-nos de princípios da Historiografia Linguística para apresentar algumas rupturas e continuidades teóricas do conceito Linguística Aplicada Crítica. Amparados por pressupostos teóricos da Linguística Aplicada e da Linguística Aplicada Crítica, descrevemos e analisamos os cinco tipos de política apresentados por Alastair Pennycook na obra Critical applied linguistics: a critical introduction. Ao final, concluímos que esses cinco tipos de política apontam para a politização dos estudos em Linguística Aplicada e, ao mesmo tempo, para a continuidade das refl exões que buscam legitimar a cientificidade e a relevância social desse campo de pesquisa.

Palavras-chave: rupturas e continuidades, linguística aplicada crítica, historiografia linguística.


Texto completo: PDF



ISSN: 2177-6202 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0

São Leopoldo, RS. Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP: 93.022 -000. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122

Projeto gráfico: Jully Rodrigues


 

SCImago Journal & Country Rank Crossref Member Badge Crossref Similarity Check logo