Caracterização de um forte do século XVII: estudo de caso do Fort La Planchada, Chile

Eric Forcael, Luciano Burgos, Armando Cartes, Alexander Opazo, Angela Salinas

Resumo


Este artigo estuda o Forte “La Planchada”, localizado no sul do Chile. Considerando a natureza deste monumento nacional, o estudo se concentra na análise e caracterização de seus aspectos de construção: desenho, geometria, materialidade e técnicas de construção; aspectos que fazem parte da perspectiva do poliorcetismo (ou arte militar). Do ponto de vista metodológico, utilizando recursos técnicos históricos, a reconstrução do forte em estudo culminou através de uma revisão da literatura e trabalho de campo. A arte das técnicas de poliorcética e construção, usadas pelos principais escritores do século XVII sobre fortificações e seus princípios, foram aplicadas à construção original do forte, considerando as dificuldades e as soluções de seu tempo. As características do forte original e uma análise de reparos sucessivos revelaram a existência dos três projetos diferentes ao longo de sua história.

Palavras-chave: forte, La Planchada, Chile, século XVII, caracterização.


Texto completo: PDF (English)



ISSN: 1808-5741 - Melhor visualizado no Mozilla Firefox

Licença Creative Commons
Este obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional [atualizado em abril/2016]

Av. Unisinos, 950. Bairro Cristo Rei, CEP 93022-750, São Leopoldo, RS. Atendimento Unisinos +55 (51) 3591 1122 R: 3219

Os croquis utilizados no banner (da esquerda para a direta): Pavilhão do Brasil na Expo 70 (Osaka, Japão) e Museu Brasileiro da Escultura (MuBE) do arquiteto Paulo Mendes da Rocha©.

Projeto gráfico: Jully Rodrigues


SCImago Journal & Country Rank